Refurbishment for Eduardo, Laura & Enzo

Refurbishment for Eduardo, Laura & Enzo

Arquiteto
Pablo Muñoz Payá Arquitectos
Localização
Petrer, Alicante, Spain | View Map
Ano do Projeto
2016
Categoria
Casas Particulares
©Santiago Vicente+Milena Villalba MOD
Folha de especificações do produto

ElementoMarcaProduct Name
ManufacturerPORCELANOSA
illuminationFlos
Sanitary wareRoca
Kitchen StoolsPEDRALI
Outdoor furnitureRESOL
Peach Armchair
MechanismsSIMON
Simon 82 Detail

Folha de especificações do produto
Manufacturer
illumination
Sanitary ware
Kitchen Stools
Outdoor furniture
Peach Armchair por RESOL
Mechanisms
Simon 82 Detail por SIMON

Reforma para Eduardo, Laura e Enzo

Pablo Muñoz Payá Arquitectos como Arquitetos

Este projeto consiste na renovação integral de uma casa em Petrer (Alicante). O conceito de uma casa que passa de uma família para outra implica profundas transformações. Os modos de vida são mutáveis, não apenas em termos de gerações, mas também através das personalidades individuais dos habitantes. O que cada pessoa espera para sua casa se materializa nela.

 

O edifício existente, sem valor arquitectónico, ocupava uma área de 138m2 (19 dos quais pertencem a alpendre) de terreno com oliveiras, a par de outras propriedades vizinhas. Por lei, essa área não poderia ser ampliada, portanto o projeto tinha que se basear em uma alteração exata do antigo espaço, nem um metro a mais, nem um metro a menos.

 

O perímetro retangular passará de um traçado desinteressante, para uma estrutura flexível composta por três faixas longitudinais e, ao mesmo tempo, três transversais. Esta ordem não rígida das áreas consegue-se situando a casa de banho e parte dos móveis da cozinha como elementos centrais, fazendo circular qualquer movimento à sua volta e assim delineando o resto do espaço. Muñoz Payá faz com o banheiro e a cozinha o que Frank Lloyd Wright fez com elementos como o seio da chaminé. Ele os libertou de sua "condenação" normal de serem colados a uma parede, a fim de colocá-los no meio de salas de estar e, assim, articular o espaço em torno dessas características.

 

Longitudinalmente, as três faixas corresponderão a uma área diurna em contato com a varanda, (principal meio de entrada da luz do dia na casa), que contém a sala de estar e jantar, cozinha, uma área intermediária com banheiros e quartos e um Área final albergando o quarto principal, mais uma casa de banho e escritório.

 

Apesar desta ordem implícita, os espaços comunicam entre si através de uma unidade interior, uma materialidade amigável que existe como resposta à tranquilidade procurada pelos proprietários, e um trabalho cuidadoso com luz natural e artificial. O interior da casa é praticamente bicromático; um branco intenso combinado com a cor café da madeira e do pavimento, conseguida com a utilização de um mínimo de materiais necessários. Simplicidade era outra busca da casa, e alcançar essa limpeza do espaço a partir de uma estrutura existente tão forte não é uma tarefa fácil.

 

Pablo Muñoz Paya dissolve essa ditadura entre o contêiner e o contido, liberando o espaço, levando os cômodos internos a um nível inferior ao da cobertura. A cobertura joga assim com os seus ângulos a um nível contínuo, dobrando-se sobre si mesma seguindo a ordem das três faixas, sem ser por elas limitada.

 

O telhado será inclinado na frente, criando uma cobertura para a área de estar e com “dentes de serra” para os dois quartos e banheiros. Essa brincadeira com o telhado garante a otimização do controle de luz e bioclimático. O robusto alpendre frontal, encerrado por um brise-soleil composto por painéis móveis, permite o controle da irradiância solar, juntamente com o controle dos elementos visuais. A relação com o interior e o exterior é constante mas controlada, da mesma forma que o diálogo se dá entre as zonas funcionais de habitação.

 

A casa de Eduardo, Laura e Enzo fala por si como forma de viver, mas também como forma de intervir sem limites, apesar de partir das condições pré-existentes, na procura da qualidade arquitectónica e da sustentabilidade.

 

Material usado:
Pavimentos Porcelanosa, modelo Chelsea Arce Formato 29'3 x 180 cm
Revestimientos Interiores | Placas lisas de cartón-yeso Knauff Baños | Venis, modelo Branco Cristal Formato 33,3 x 100 cm brillo.
Falsos techos Placas lisas de cartón-yeso Knauff VIgas de madera
Iluminación Generales | Diseño Pablo Muñoz Payá Mesitas | Flos
Mecanismos Simon Detalhe 82
Climatização Calefação por suelo radiante + fan-coils Daikin alimentados com Bomba de calor Mitsubishi
Cocina Diseño | Pablo Muñoz Payá Arquitectos Material puertas | Grupo Alvic
Estores exteriores Persax
Sanitarios Roca
Grifería Tres
Fregadero Poalgi Modelo Shira
Carpintería interior Puertas de paso | DM lacado blanco Sistema corredero de puertas | Saheco
Armarios Diseño | Pablo Muñoz Payá Arquitectos Material puertas | Grupo Alvic
Carpintería exterior Ventanas | Cortizo
Lamas exteriores Sistema corredero de lamas | Saheco
Sofá Snat Sofás
Mesas auxiliares Stua Modelo Eclipse
Taburetes Cocina Pedrali Volt
Alfombra KP Organik
Sillas comedor y dormitorio Vitra Eames Cadeira lateral de plástico DSW
Mobiliario Exterior Silla Resol Peach
Resto de mobiliario Diseño | Pablo Muñoz Payá Arquitecto

Read story in EnglishItalianoEspañolFrançais and Deutsch

Featured Projects
Latest Products
News